“Mas, quando chegou a plenitude do tempo, Deus enviou seu Filho, nascido de mulher, nascido debaixo da Lei, a fim de redimir os que estavam sob a Lei, para que recebêssemos a adoção de filhos.” (Gálatas 4:4-5)

Nosso Deus é um incrível Deus de ordem. Ele nomeia e numera as estrelas (Salmo 147:4), Ele estabelece a fronteira para os mares (Jó 38:11), Ele conta os cabelos de nossa cabeça (Mateus 10:30) e Ele ordena os passos dos justos (Salmo 37:23).

A plenitude do tempo se refere ao tempo designado por Deus em Seu plano para a humanidade; e aqui se refere ao tempo para Jesus vir do céu para a terra para nascer como homem. E, sem dúvida, a plenitude do tempo de Deus acontecerá novamente quando Jesus vier à terra em Sua segunda vinda.

Enquanto esperamos, devemos ter cuidado para não zombar e dizer: “Onde está a promessa de Sua vinda?” (2 Pedro 3:4). Porque, assim como quando chegou a plenitude do tempo quando Ele enviou Seu Filho para nascer de uma mulher; quando a próxima plenitude dos tempos vier nos tempos designados por Deus, Ele enviará Jesus de volta para reger como Rei.

Quando olhamos para a história, entendemos que Deus está trabalhando em Seu tempo; e por mais difícil que seja para os humanos ser pacientes, precisamos obedientemente esperar e deixar que Ele faça o que Ele determinou em Seu plano eterno para nós.

Visto que Deus governa a história humana, Ele inegavelmente moldou a história das nações, incluindo o domínio do Império Romano que teve um impacto sobre Israel, Jesus e a difusão do Evangelho pela igreja cristã primitiva. Certamente, isso foi parte da preparação de Deus, pois Deus usa os eventos históricos para alcançar Seus propósitos, como vemos nas Escrituras.

Nosso maravilhoso Deus não apenas organizou e ordenou todas as coisas no universo, Ele ordenou todas as coisas dentro de Seu universo em seus tempos determinados. Atualmente estamos vivendo no tempo dos gentios e em breve o mundo experimentará o arrebatamento da igreja e o início da 70ª semana escrita no livro de Daniel.

Tudo tem um tempo determinado, exatamente como a visão que Habacuque teve do vindouro Império Babilônico. “Pois a visão aguarda um tempo designado; ela fala do fim, e não falhará. Ainda que demore, espere-a; porque ela certamente virá e não se atrasará” (Habacuque 2:3).

Esperar por esta plenitude de tempo exigie paciência porque Deus trabalha de acordo com Seu próprio calendário e mede o tempo de maneira diferente de nós porque, “para o Senhor um dia é como mil anos, e mil anos como um dia” (2 Pedro 3:8).

Quando lemos o relato em Daniel ou coisas futuras, reconhecemos que atualmente estamos vivendo em uma grande lacuna entre a 69ª e a 70ª semana, já que o relógio profético está parado por quase 2.000 anos. E as “sete semanas” finais faladas por Daniel, “o período da tribulação”, ainda estão por vir.

Vemos outra pausa ou lacuna significativa a respeito da vinda do Messias, quando comparamos as profecias de Isaías 9:6 com Lucas 1:31-33. O livro de Isaías foi escrito entre 739 e 681 a.C. onde ele profetizou a vinda do Messias, e foi somente entre 6 e 4 AC que Jesus nasceu em Belém.

Nosso Deus é um Deus de ordem. Ele predeterminou cada momento no tempo, não durando mais do que um piscar de olhos, quando Ele ordenar que Seu Filho encontre os mortos em Cristo e a igreja no ar em seus novos corpos incorruptíveis (1 Coríntios 15:52). Sim, o arrebatamento é sempre iminente e está se aproximando a cada dia mais. Os sinais da vinda de Jesus são mais visíveis agora do que em qualquer outro momento da história. Os judeus estão de volta à Terra Prometida, a igreja está se tornando cada vez mais apóstata, e a anarquia e tempos perigosos estão sobre nós. Portanto, poderíamos dizer que é mais iminente agora do que nunca.

Embora ninguém saiba o dia ou a hora do arrebatamento da igreja, sabemos que uma manhã despertaremos para o dia em que em um piscar de olhos a era da igreja terminará. Sim, as pessoas serão salvas durante a tribulação, mas morrerão por sua fé sob o reinado de terror da Besta. Se você não pode viver para Jesus agora, o que te faz pensar que será capaz de morrer por Ele quando isto ocorrer?

Não espere! Hoje é o dia da salvação (2 Coríntios 6:1-2), pois nossa salvação deste mundo está mais próxima hoje do que nunca.

A Bíblia nos diz que a plenitude dos gentios está chegando… e o Senhor Jesus Cristo está voltando, mas não sabemos o momento em que qualquer uma dessas coisas vai acontecer. Algum dia no futuro, Deus mais uma vez reunirá Seu povo para Si e abençoará Seu povo com prosperidade e paz, mas esse tempo ainda não chegou. Ele está vindo, mas não “até que chegue a plenitude dos gentios” (Romanos 11:25).

Quanto tempo vai demorar para que as bênçãos prometidas por Deus sejam completamente cumpridas? Ninguém sabe porque Deus tem Seu próprio calendário, que Ele não revela a ninguém. Somente quando Cristo vier de novo saberemos que as promessas de Deus alcançaram a plenitude pretendida. Até lá, testemunhamos e esperamos pacientemente com esperança confiante como o salmista diz; “descanse no Senhor e espere por Ele com paciência” (Salmo 37:7).

E também devemos prestar atenção ao profeta Miquéias enquanto ele escreve: “Mas, quanto a mim, ficarei atento ao Senhor, esperando em Deus, o meu Salvador” (Miquéias 7:7). Portanto, estejamos também prontos, pois o Filho do Homem virá em uma hora que não esperamos (Mateus 24:44).

“Com as informações do mvmportuguese