Reprodução Câmaras dos deputados

Além de ironizar o ‘superpedido’ de impeachment contra o presidente Jair Bolsonaro, o presidente da Câmara dos Deputados, Arthur Lira  (PP-AL), também ironizou a CPI da Covid.

Lira disse ainda que, antes de analisar o superpedido apresentado ontem, “tem 120 na fila”.

Indagado se esperaria a CPI terminar, o presidente da Câmara afirmou em tom irônico: “Vou esperar a CPI, está fazendo um belíssimo trabalho, bem imparcial”.

Antes, ao ser questionado se optaria pela análise ou pela rejeição do pedido, ele respondeu: “Não será feito agora, né? Tem que esperar”.

“O que houve nesse superpedido? Uma compilação de tudo o que já existia nos outros e esses depoimentos. Depoimentos quem tem que apurar é a CPI [da Covid]. É para isso que ela existe. Então ao final dela a gente se posiciona aqui, porque na realidade o impeachment como ação política a gente não faz com discurso, a gente faz com materialidade”, acrescentou.

“Com as informações do Gazeta Brasil