Banhista morre após ser atingido por raio na praia de Copacabana

Daniel Oliveira, de 35 anos, foi socorrido por salva-vidas, mas não resistiu; a mulher dele também foi atingida e está internada no Hospital Miguel Couto

Um banhista que estava na praia de Copacabana, altura do posto 2, na zona sul do Rio de Janeiro, morreu após ser atingido por um raio nesta sexta-feira (25). Daniel Oliveira, de 35 anos, foi socorrido por salva-vidas, mas não resistiu. A mulher dele também foi atingida e está internada no Hospital Municipal Miguel Couto.

Após seis horas, o município do Rio saiu do estágio de atenção devido ao temporal e retornou à normalidade, por volta 0h30, neste sábado (26), segundo informações do COR (Centro de Operações da Prefeitura do Rio).

O Sistema Alerta Rio informou que o tempo permanece instável hoje na capital fluminense, com previsão de céu parcialmente nublado a nublado e pancadas de chuva isolada para o período da tarde/noite. Os ventos serão fracos a moderados e as temperaturas estarão estáveis, com máxima prevista de 35°C e a mínima de 18°C.

Ventania

Na sexta, a ventania atingiu 91 km/h na Base Aérea de Santa Cruz. A força do vento derrubou árvores e galhos em vários bairros da cidade, como na rua Washington Luiz, no centro, e na rua das Laranjeiras, na zona sul. Houve queda de galhos de árvore sobre a rede elétrica na rua Siqueira Campos, em Copacabana e no bairro do Anil.

Equipes da Comlurb (Companhia de Limpeza Urbana) já liberaram os trechos interditados. Houve também alagamento de ruas e bolsões d’água em vários bairros.

Fonte:R7