Reprodução/WhatsApp

O comandante do Grupamento de Polícia Militar de Capitão de Campos, sargento Lobo, foi afastado do cargo após atirar em segurança dentro de bar na madrugada dessa sexta-feira (15/01). A determinação foi da Corregedoria da PMPI.

Segundo a PM, o Comandante do 12º Batalhão, ao qual o GPM de Capitão de Campos está subordinado, instaurou o Inquérito Policial Militar para apurar se estaria sob efeito de álcool.

O Delegado de Polícia Civil do 2º Distrito Policial de Piripiri, que responde pela cidade, instaurou Inquérito Policial para investigar o fato.

Veja nota na íntegra:

Nota à imprensa

A Polícia Militar do Piauí informa, sobre os fatos ocorridos em um bar da cidade de Capitão de Campos, na madrugada do dia 14 para o dia 15 de janeiro de 2021, envolvendo um Policial Militar, o seguinte:

1. O Comandante do 12º Batalhão, ao qual o GPM de Capitão de Campos está subordinado, instaurou o Inquérito Policial Militar para apuração do ocorrido;
2. Paralelamente, o Delegado de Polícia Civil do 2º DP de Piripiri, que responde pela cidade, instaurou Inquérito Policial para investigar o fato;
3. A Corregedoria da PMPI determinou o afastamento imediato do policial Militar em questão.

Teresina, 15 de janeiro de 2021.

Elza Rodrigues Ferreira
Ten Cel PM – Diretora de Comunicação Social da PMPI

Veja parte da confusão:

 

* Com as informações do 180 Grasus