Tite, treinador da seleção brasileira, pensativo durante partida contra a Colômbia

Confederação Sul-Americana de Futebol (Conmebol) anunciou nesta quinta-feira, 24, que multou o técnico Tite em 5 mil dólares (R$ 24,6 mil) por ter feito críticas à organização da Copa América.

Ontem, após a vitória de virada da seleção brasileira sobre a Colômbia por 2 a 1, o treinador criticou a qualidade do gramado do Engenhão, no Rio de Janeiro. Antes, ele já havia dito que a competição foi organizada de maneira “atabalhoada”.

Eduardo Gross Brown, presidente da Comissão Disciplinar da Conmebol, disse que “em caso de reiteração de qualquer infração à disciplina esportiva de igual ou similar natureza que ocasionou o presente procedimento será aplicado o disposto no Art. 31 do Código Disciplinar da Conmebol e as consequências que do mesmo possam advir”. O valor da multa será debitado automaticamente da quantia que a CBF terá a receber pela participação na Copa América. Não cabe recurso. Além disso, Tite foi advertido por atraso na entrada ou retorno do intervalo para o campo de jogo. Na primeira infração, a Conmebol aplica apenas advertência. Na segunda, está previsto multa de US$ 15 mil.

“Com as informações do Jovem Pan