Corpo é encontrado em destroços do avião onde Sala era transportado

Apesar da novidade, não foi revelada a identidade do desaparecido; Atacante e piloto da aeronave eram os únicos tripulantes

De acordo com jornais da Inglaterra, um corpo foi encontrado perto da fuselagem do avião que transportava o atacante Emiliano Sala entre Nantes, na França e Cardiff, no País de Gales.

A equipe de busca da Agência de Investigação de Acidentes Aéreos (AAIB) revelou no último domingo (3) a novidade aos familiares do jogador.

Apesar da novidade, não foi divulgada a identidade da pessoa. O grupo que participa da procura dos corpos pretende continuar os trabalhos na próxima terça-feira (5). O AAIB lançou um comunicado sobre a situação atual das buscas. Confira:

“Tendo identificado uma área prioritária de busca na última semana, a AAIB combinou uma estratégia de procura com a Blue Water Recoveries Ltd. para maximizar a chance de localizar os destroços da aeronave.

A AAIB contratou o navio especialista Geo Ocean III e a Blue Water Recoveries Ltd. contratou o FPV Morven, e a área foi dividida entre os dois navios. Os dois começaram as buscas na manhã do domingo, 3 de fevereiro.

No começo da busca, o Morven identificou um objeto de interesse no fundo do mar, usando seu equipamento de sonar. Isso esclareceu a área imediata para que o Geo Ocean III usasse seu veículo operado remotamente (ROV) para pesquisa a área no fundo do mar na qual o objeto foi localizado. Baseado na analise de vídeo do ROV, os investigadores da AAIB a bordo do navio concluíram trata-se dos destroços do avião perdido Piper Malibu, registro N264DB.

O ROV colocou em prática outra busca na área ao fim da noite, mas não identificou nenhuma peça adicional dos destroços.

Tragicamente, no vídeo do ROV, um ocupante pode ser visto entre os destroços. A AAIB agora está considerando os próximos passos, consultando as famílias do piloto e do passageiro, além da polícia.

A imagem mostra a parte de trás do lado esquerdo da fuselagem, incluindo parte do registro da aeronave.

Nós pretendemos publicar um relatório interino após um mês do acidente.”

David Mearns, que liderou a busca pela aeronave e os corpos por demanda da família de Sala, descreveu os detalhes do trabalho realizado.

“Fizemos uma série de imagens de alta resolução que puderam confirmar que se tratava do avião. Depois chamamos um barco maior, submergimos um veículos com câmeras e luzes operado à distância que confirmou que era o avião. Vimos o número da matrícula e, para a surpresa de todos, a maior parte da aeronave estava ali”, confirmou.

Emiliano Sala e o piloto David Ibbotson desapareceram em voo entre Nantes e Cardiff, onde o jogador era esperado. O centroavante foi contratado pelo time do País de Gales por 15 milhões de libras (cerca de R$ 75 milhões).

Fonte:Goal