O site americano TMZ divulgou nessa segunda-feira (19) documentos comprovando que Cristiano Ronaldo pagou para Kathryn Mayorga, a mulher que o acusa de estupro, se manter em silêncio sobre o ocorrido.

Segundo os documentos, a defesa do jogador teria pago 375 mil dólares (cerca de um milhão e 500 mil reais) para a vítima não prestar queixa. “O senhor Cristiano Ronaldo pagou à queixosa a quantia de 375 mil dólares e ambas as partes concordaram com a confidencialidade do caso. Contudo, no mesmo documento, os advogados de Cristiano afirmam que ele não assumiu a culpa e a quantia paga foi apenas para afastar mídia do caso”, diz um trecho do documento.

Para quem não lembra, a modelo americana Kathryn Mayorga acusou Cristiano Ronaldo de tê-la estuprado no dia 12 de junho de 2009. Ela afirma que conheceu o atleta em uma festa em Las Vegas, e que foi convidada para ir até o hotel onde Cristiano estava hospedado, lá ele a forçou a ter relações sexuais.

Com as informações do Ointrigante