O corpo de um bebê recém-nascido foi encontrado no final da tarde de ontem, quarta-feira, 24, em um ritual de magia negra mais popularmente conhecido como “despacho de macumba”
O local fica próximo a uma área usada como lixeira na comunidade.

Policiais da 20ª Companhia Interativa Comunitária foram avisados por volta das 17 horas, por moradores da área que encontraram o corpo do bebê em meio ao ritual formado por velas, panos de cores e várias garrafas de bebidas.

As equipes da Delegacia Especializada em Homicídios e Sequestros (DEHS), da Perícia do Instituto de Criminalística e a equipe do Instituto Médico Legal (IML) que removeu o bebê morto logo no começo da noite. O fato de um bebê recém-nascido ter sido usado em um despacho de macumba provocou indignação e todos esperam que os envolvidos por tamanha barbaridade sejam presos.

Velas, panos, bebidas, garrafas de bebidas alcoólicas no local do ritual de magia negra

Todo o material usado no ritual foi recolhido do local onde foi encontrado e o corpo foi levado para a sede do Instituto Médico Legal, onde exames mais detalhados devem comprovar a forma como o bebê morreu.
O delegado titular da DEHS, Paulo Martins, já instaurou inquérito policial e designou uma equipe de policiais da Especializada para investigar a fundo a morte do bebê no ritual de magia negra. – Com as informações do Meio Norte.