C. McGregor (dir.) recebe golpe que iniciou derrota no UFC 257. Foto: Reprodução/Instagram

Histórico. Em uma das lutas mais aguardadas do ano, Dustin Poirier chocou o mundo e atropelou Conor McGregor no confronto principal do UFC 257, realizado neste sábado (23), em Abu Dhabi.

Após um começo lento, o norte-americano se recuperou e surpreendeu o irlandês com um nocaute devastador no segundo round.

Com o resultado, Poirier confirmou a boa fase na carreira e se consolidou como um dos favoritos para a próxima disputa de cinturão no peso leve (até 70,3kg.). Atual número dois no ranking do grupo liderado por Khabib Nurmagomedov, Dustin foi o primeiro atleta na história a nocautear Conor.

Considerado um dos maiores fenômenos da história do MMA, McGregor não teve o retorno que gostaria. Sem lutar desde janeiro de 2020, o irlandês começou bem o confronto, com ataques precisos, e chegou perto de derrubar o rival com golpes potentes. O ‘Notório’, no entanto, sentiu o peso das mãos de Poirier e chegou ao quinto revés na carreira.

Após o confronto, Conor pediu por uma revanche a Poirier. Mesmo perdendo, Conor foi ovacionando pelo público presente em Abu Dhabi.

A luta

O confronto começou com Conor partindo para cima de Poirier com uma sequência de diretos. Acuado, Dustin recebia os ataques do irlandês, que seguia caminhando para cima. Em desvantagem na trocação, o norte-americano investiu nas pernas do ‘Notório’ e levou o duelo para o chão. Conor conseguiu se levantar e passou a pressionar Dustin contra as grades.. Os atletas trocavam golpes com o ombro, enquanto o público vibrava. Poirier conseguiu se desvencilhar, mas Conor voltou a mostrar superioridade em pé. Com uma sequência de jabs, o irlandês conseguiu balançar o norte-americano, que passou a soltar golpes no vazio. Dustin respondeu às investidas com um cruzado no rosto de McGregor, mas o ‘Notório’ seguia preciso em seus ataques. O assalto foi encerrado com os atletas trocando golpes.

Na segunda etapa, Poirier tomou a iniciativa com um chute baixo, que desequilibrou Conor. O irlandês respondeu com uma sequência de socos, que entraram limpos no rosto do norte-americano. Dustin caminhava para trás, mas Conor continuava perseguindo o adversário pelo octógono. Poirier tentava pontuar com jabs e diretos, mas McGregor seguia respondendo com mais precisão e potência nos golpes. Na metade do round, Dustin surpreendeu Conor com um cruzado, que balançou o irlandês. Poirier seguiu golpeando o ‘Notório’, que desabou. O norte-americano seguiu atacando, até que o árbitro interrompeu o confronto.

Resultados do UFC 257

CARD PRINCIPAL 

Peso leve: Dustin Poirier derrotou Conor McGregor por nocaute técnico a 2m32s do R2

Peso leve: Michael Chandler derrotou Dan Hooker por nocaute técnico a 2m30s do R1

Peso mosca: Joanne Calderwood derrotou Jessica Eye na decisão unânime dos juízes (30-27,29-28, 30-27)

Peso médio: Makhmud Muradov derrotou Andrew Sanchez por nocaute técnico a 2m59s do R3

Peso palha:  Marina Rodriguez derrotou Amanda Ribas por nocaute técnico a 54seg. do R2

CARD PRELIMINAR 

Peso leve: Arman Tsarukyan derrotou Matt Frevola na decisão unânime dos juízes (30-27,30-26, 30-27)

Peso médio: Brad Tavares derrotou Antônio Cara de Sapato na decisão unânime dos juízes (30-27, 29-28, 30-27)

Peso galo: Julianna Peña finalizou Sara McMann com um mata-leão a 3m39s do R3

Peso meio-pesado: Marcin Prachnio derrotou Khalil Rountree Jr. na decisão unânime dos juízes (29-28, 29-28, 29-28)

Peso casado: Movsar Evloev derrotou Nik Lentz na decisão dividida dos juízes (29-28, 28-29, 29-28)

Peso mosca: Amir Albazi derrotou Zhalgas Zhumagulov na decisão unânime dos juízes (29-28, 29-28, 29-28)

*Com as informações do Super Luta