Filho de Alex Escobar diz estar arrependido de acusar o pai


O apresentador da TV Globo, Alex Escobar e o filho dele, Pedro Escobar, de 19 anos, se envolveram em uma polêmica durante esta semana. O motivo foi a exposição da relação conturbada entre pai e filho feita por Pedro nas redes sociais, em que o jovem disse ter depressão e vontade de cometer suicídio, fatos que seriam ignorados por Alex.

Apesar de toda a repercussão, Pedro escreveu uma carta, que foi divulgada a veículos de imprensa nesta sexta-feira (4), em que diz estar arrependido da consequência de seus atos.

– Estou muito triste com toda a repercussão, a grande maioria distorcida, levando palavras que jamais coloquei e outras que jamais deveria ter declarado pois, em um momento incontrolável declarei sobre meu pai, uma pessoa pública que sofreu consequências profissionais desnecessárias – escreveu.

Durante a carta, Pedro também disse que, ao contrário do que havia dito, o pai sempre supriu as necessidades financeiras dele e que a repercussão do fato foi injusta com o apresentador.

– Meu pai não merecia toda essa exposição negativa e distorcida veiculada por vários canais de mídia. O que eu fiz foi um grito e foi a forma que encontrei de ser ouvido. Meu pai sempre supriu minhas necessidades – concluiu.

Veja o conteúdo da carta na íntegra:

Eu, Pedro, após refletir sobre todas as declarações que dei em um momento muito difícil da minha vida, pois estou passando por um momento de grandes confrontos e questionamentos sem saber para onde ir e o que fazer.

Então, resolvi ir de forma desesperada sob os efeitos de grandes emoções e conflitos psicológicos e emocionais, fazer o que não pretendia e não queria.

Estou muito triste com toda a repercussão, a grande maioria distorcida, levando palavras que jamais coloquei e outras que jamais deveria ter declarado pois, em um momento incontrolável declarei sobre meu pai, uma pessoa pública que sofreu consequências profissionais desnecessárias.

Sei que meu pai gosta de mim, até mesmo quando almoçamos em um restaurante em Niterói eu, meu pai e meu namorado, nos respeitou como casal.

Foi muito importante essa desintoxicação que ocorreu nessa semana. Tive apoio familiar, médico e de amigos, fundamental para me fortalecer.

Meu pai não merecia toda essa exposição negativa e distorcida veiculada por vários canais de mídia. O que eu fiz foi um grito e foi a forma que encontrei de ser ouvido. Meu pai sempre supriu minhas necessidades.