O prefeito Firmino Filho (PSDB) afirmou nesta sexta-feira (7) que irá se reunir com o ex-prefeito Sílvio Mendes.

Para Firmino, Sílvio se mantém na base aliada em qualquer situação. As declarações foram dadas ao visitar obras na zona Norte de Teresina.

Hoje, o nome do ex-prefeito faz parte da lista de pré-candidatos de Firmino Filho. Mas, aliados afirmam que, no momento, o nome mais forte é do secretário de Educação, Kleber Montezuma.

“Sempre nos comunicamos, conversamos. Não existe nenhum problema de afastamento. Vamos conversar nos próximos dias mais uma vez. Não há nenhuma novidade em conversar com o Sílvio, é natural. Ele é um amigo, compadre. Acho que o estranho é se não conversasse com ele”, disse.

Para o gestor, o natural é Sílvio Mendes apoiar o grupo mesmo se não for o escolhido.

“É natural que ele fique dentro do PSDB, que fique no nosso grupo. É uma questão de identidade tanto nossa quanto dele”, destaca.

O prefeito nega crise entre os pré-candidatos e afirma que ainda espera pesquisas que irá receber na próxima semana.

“Nosso processo é bastante claro. Já colocamos para a cidade. Para os nossos coligados e nossa equipe. É basicamente o de 2004. Ao longo do tempo vamos finalizar esse processo. Então nosso planejamento continua praticamente o mesmo. Temos pesquisas a serem lidas e recebidas nas próximas semanas. Estamos conversando com a população. Temos que ouvir o que a população sente. A pesquisa não é decisiva. É um instrumento para dizer o que as pessoas estão sentindo. É por isso que andamos pela cidade, sentindo o que as pessoas dizem”, declara.

Vereadores Insatisfeitos

Firmino Filho afirma que o grupo político do PSDB não vai fazer esforço para manter vereador insatisfeito na base. Para ele, quem ameaça sair não tem compromisso com a base.

“Para nós é indiferente. Sou bastante claro. Na estratégia de campanha, contamos com quem acredita em qualquer situação. Se existe alguém que não acredita é melhor que nem estivesse conosco. Queremos fazer campanha e percorrer a cidade com as pessoas que acreditam na gente.  Pode reduzir base, partidos. Há algo mais importantes que a quantidade de partidos que irão me apoiar”, destacou.

Sobre os vereadores com dificuldades para encontrar um partido, Firmino fiz que com o tempo tudo será resolvido.

“Essa é uma questão de ajustes. Com o tempo vamos resolver. Estou acompanhando”, disse.


Fonte:Redação Manchete Net/Com informações/cidadeverde