Hospital de Urgência de Teresina (HUT) revelou que somente esse ano foram atendidas 4.175 pessoas vítimas do trânsito

Os dados estatísticos divulgados pelo Hospital de Urgência de Teresina (HUT) revelaram que somente esse ano foram atendidas 4.175 pessoas vítimas do trânsito. Os acidentes com motocicletas ainda representam mais de 80% das ocorrências e permanecem como primeiro motivo de procura a assistência médica, equivalendo a 17% do atendimento geral do HUT.

Dentre esses atendimentos, no período de janeiro a maio, estão 3.550 vítimas de acidentes com motocicletas, 417 atropelamentos, 167 de carro e 41 com outros veículos. De acordo com a diretora geral do HUT, Dra. Clara Leal, os pacientes que chegam em estado grave têm uma probabilidade muito maior de sair com sequelas, podendo, inclusive, comprometer a realização de atividades básicas do dia a dia.

“Dentre os acidentes com motocicleta, o gênero masculino lidera com 78% desse total. Esses dados são preocupantes, pois quase 60% das vítimas são jovens com idade entre 21 e 40 anos e muitos estão recebendo alta com sequelas permanentes. É preciso ter mais prudência no trânsito. Essas pessoas, geralmente, são a única fonte de renda da família”, explicou a diretora.

Erivelton da Silva, 24 anos, é do município de União e está internado no HUT desde o dia 23 de março, após sofrer um acidente com motocicleta. Ele conta que foi passar o final de semana na casa dos pais e no caminho colidiu com um caminhão. “Fui fazer uma curva fechada e não vi uma caçamba que vinha na contramão. Tentei desviar, mas acabei batendo na lateral da caçamba. Quebrei a perna em dois lugares, e o braço. Fiquei nove dias internado na UTI e passei por duas cirurgias”, comentou Erivelton.

Segundo o ortopedista do HUT, Dr. Osvaldo Mendes, quase 60% das cirurgias ortopédicas são de pacientes vítimas de acidentes de trânsito. “Realizamos por mês uma média de 1.200 cirurgias. São fraturas graves que requer longos períodos de internação. Além das sequelas, esses pacientes perdem parte de membros ou todo o membro causando grandes traumas. Como muitos acidentes são provocados por conta da alta velocidade, as principais lesões são no sistema muscular esquelético e neurológico”, destacou o médico.

O HUT é o único hospital do Piauí que oferece a população atendimento de urgência e emergência em 30 especialidades médicas, 24 horas por dia. Esses profissionais são especialistas em assistência ao trauma, e esse ano essas equipes já realizaram 41.721 atendimento e 10.396 cirurgias. “Estamos sempre preocupados em oferecer uma assistência de qualidade, pois nossa missão é salvar vidas e para isso não medimos esforços”, finaliza Clara Leal.

Fonte: Cidade Verde