P. Craig (esq.) finalizou J. Hill (dir.) no UFC 263. Foto: Reprodução/Instagram

Uma imagem chocante marcou a luta que abriu o card principal do UFC 263, realizado neste sábado (12), em Glendale (EUA).

No confronto promovido nos meio-pesados (até 93kg.), Paul Craig fez valer a fama de finalizador e quase ‘levou para casa’ o braço de Jamahall Hill. Com um triângulo encaixado, o norte-americano evitou bater e acabou tendo o membro deslocado, protagonizando momentos de tensão. Com a lesão evidente, o escocês acabou vencendo por nocaute técnico.

Com a posição encaixada, Jamahall ficou com o braço ‘pendurado’, enquanto o árbitro, Al Guinee observava a situação de perto, sem interromper o duelo. Após alguns segundos de agonia, o condutor decidiu parar o duelo.

Quando Paul aliviou o triângulo, ficou evidente a lesão de Hill, que, de joelhos, segurava o braço no octógono. A cena assustadora marcou a primeira derrota na carreira do lutador, que seguia invicto no MMA com nove apresentações.

Com o resultado positivo, Craig chegou à sua 13ª finalização, em 15 resultados positivos na carreira. O triunfo também fez com que o escocês defendesse a 14ª posição no ranking liderado por Jan Blachowicz e voltasse a sonhar com um lugar no top 10.

IMAGEM FORTE: Lutador fica com braço pendurado e recebe golpes na cabeça

“Com as informações do Super Luta