Cúpula da CPI da Covid Foto: Jefferson Rudy/Agência Senado

A ex-atriz pornô Mia Khalifa respondeu a uma publicação do senador Randolfe Rodrigues (Rede-AP) em que ele ironiza o ex-ministro da Saúde Eduardo Pazuello. Na publicação, o senador cita a atriz libanesa.

Em vez de negociar com o Butantan, Pazuello foi negociar a Coronavac com uma empresa de importação de produtos eróticos… Corre aqui Mia Khalifa! Acho que estavam te usando de cortina de fumaça!”, escreveu Randolfe em seu perfil do Twitter.

Khalifa respondeu: “Vocês estão em crise… estou a caminho”.

A brincadeira faz referência ao fato da CPI (Comissão Parlamentar de Inquérito) da Covid no Senado ter, frequentemente, citado Khalifa depois de uma declaração do senador Luis Carlos Heinze (PP-RS). A libanesa, desde então, comenta a situação política e sanitária do Brasil pelas redes sociais.

 

A reunião ao qual Randolfe fez referência foi a de Pazuello com um grupo de empresários em seu gabinete em março. Um vídeo obtido pela CPI (Comissão Parlamentar de Inquérito) da Covid no Senado mostra o encontro.

Segundo o jornal O Globo, a importadora que os empresários representam, a World Bands, tem permissão para importar 76 categorias de produtos, incluindo “itens de sex-shop”. A empresa, no entanto, não tem permissão para importar vacinas.

Na reunião, o então ministro da Saúde negociou a possibilidade de comprar 30 milhões de doses da CoronaVac sem envolvimento do Butantan. Segundo o jornal Folha de S.Paulo, cada dose do imunizante sairia por US$ 28, com depósito de metade do valor total até 2 dias depois da assinatura do contrato.

Naquele momento, o governo federal já tinha um acordo com o laboratório em São Paulo (SP) para o fornecimento de até 100 milhões de unidades da vacina desenvolvida pela chinesa SinoVac. No acordo com o Butantan, cada dose custou US$ 10, quase 2/3 a menos que a suposta oferta feita pelos empresários em março.

Em nota publicada no domingo (18.jul), a SinoVac afirma que o Butantan é seu único parceiro no país. “No Brasil, somente o Instituto Butantan, nosso parceiro exclusivo, pode adquirir a CoronaVac. Temos trabalhado duro com o Instituto Butantan para fornecer vacinas acessíveis ao povo brasileiro.

Pazuello nega que tenha negociado a aquisição de vacinas com o grupo de empresários presente no vídeo.“Enquanto estive como Ministro da Saúde, em momento algum negociei aquisição de vacinas com empresários, fato que já foi reiteradamente informado na CPI da Pandemia e Outras Instâncias Judiciantes.

“Com as informações do Poder 360º