Moradores fecham PI-112 em protesto!

Moradores do bairro Socopo fecham PI-112 em protesto por obra inacabada

A obra de duplicação da PI-112, também conhecida como prolongamento da avenida Presidente Kennedy, foi novamente paralisada e em protesto os moradores da região resolveram fechá-la na manhã desta quinta(14). 

Uma caminhonete da Fundação Municipal de Saúde (FMS) atravessou o fogo para levar uma mulher que estaria sangrando ao hospital.  O tráfego de carros é intenso principalmente de veículos que transitam entre União e Teresina. 

De acordo com o presidente da Associação de Moradores do Socopo, Andrade Barbosa, a mobilização tem o objetivo de chamar atenção das autoridades, já que os moradores têm sofrido tanto com os assaltos e a quebra dos automóveis por causa dos buracos. 

“Estamos sofrendo com nossos carros e assaltos nesse pequeno trecho que ele começou e não terminou no prolongamento da Kennedy”, afirma.

O presidente da associação da Vila Nova Socopo, Zezinho Damasceno, disse que a obra começou no início do ano passado e era para ter acabado em agosto, mas as máquinas foram retiradas do canteiro de obras e não retornaram mais. 

“Estive no DER (Departamento de Estradas e Rodagem do Piauí) e falei com o diretor de obras e ele disse que não tem previsão de reinício, mas tinha prometido mandar uma máquina para consertar os buracos e até agora nada”, declarou, reforçando que os buracos deixam motoristas e motociclistas como alvos fáceis para assaltantes.

Fotos: Manoel José

A obra

A obra de duplicação teria dois quilômetros de extensão e está paralisada com cerca de 60% concluída, faltando a colocação de bueiros para o escoamento de água fluvial e depois o asfaltamento. 

Seriam duas pistas de rolamento, com três faixas de tráfego cada, com canteiro central e calçadas nas duas laterais. A PI-112 começa no final da Avenida Presidente Kennedy e ligará a saída de Teresina rumo à rota das águas, no litoral Piauiense. 

A obra é orçada em R$ 3.799.239,95, com financiamento do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) e tinha previsão de ser concluída em agosto do ano passado.

veja o vídeo da TV Cidade verdade

Fonte: cidadeverde.com