mulher estuprada manchetenet.com

A 21ª Delegacia de Polícia (Pistão Sul) investiga um estupro coletivo ocorrido na noite de quarta-feira (19/02/2020) em Águas Claras. Uma jovem de 23 anos, moradora da cidade, passava por volta das 22h na Rua 30 Sul quando foi atacada por quatro homens. Ela foi arrastada pela região de eucaliptos e abusada sexualmente.

De acordo com a Polícia Civil, a mulher saiu da Praça do Skate e seguia para casa, entre 22h e meia-noite, quando se tornou alvo dos bandidos. Os criminosos também roubaram a vítima. Ninguém foi preso até agora. Ao Metrópoles, o delegado-chefe da 21ª DP, Luiz Alexandre Gratão, disse que o caso é considerado prioridade para a unidade policial.

“Já estamos analisando as imagens captadas pelos prédios para identificar os suspeitos”, disse o policial. A PCDF investiga se os abusadores estavam armados. Após ser estuprada, a vítima foi levada ao Hospital Regional de Taguatinga (HRT).

No ano passado, a área de segurança do DF registrou 666 casos de estupro, 390 contra vulneráveis (59,5%). O número é menor que o de 2018, quando foram investigados 725 abusos. Destes, 440 tendo como vítimas crianças e adolescentes.

Em todo o DF, houve 45 estupros neste ano, segundo último balanço da Secretaria de Segurança Pública (SSP). No mesmo período do ano passado houve 55 registros desse tipo de crime.

Aguarde mais informações

Fonte: Manchetenet.com/metropoles