Desejo é algo espiritual? 

O domínio próprio é um “fruto do Espírito” (Gálatas 5:23). A maneira como o Espírito produzir seu fruto frequentemente inclui meios muito naturais. Por exemplo, outro fruto do Espírito é paciência (Gálatas 5:22). Mas qual de nós pode negar que nossa paciência aumenta ou diminui dependendo da quantidade de sono que conseguimos ter?

O amor, diz Paulo, é “paciente… não se ira facilmente” (1 Coríntios 13:4-5). Mas ficamos irados com mais facilidade e menos pacientes quando não conseguimos o descanso necessário. É ou não é?

O que quero dizer é que uma das muitas armas no arsenal do Espírito Santo é o sono. Ele nos torna humildes para percebermos que não somos Deus e que precisamos ficar indefesos quanto um bebê de sete a oito horas por dia, para que possamos ser a pessoa amável e paciente que Ele nos chama a ser.

Ocorre algo semelhante com o domínio próprio sexual. O Espírito Santo nos ensina por meio das Escrituras e pela experiência própria como nosso corpo funciona. Ele quer que nos apoiemos em seu poder enquanto fazemos uso das armas fisiológicas de contra-ataque que Ele nos deu. Assim, encontraremos êxtase de verdade!

Concluindo

A pesquisa neurológica está certa: nossos cérebros são profundamente afetados pelo que vemos. Quanto mais vemos, mais bem estabelecidos e controladores estes caminhos se tornam. Mas não somos suas vítimas. Esses poderes fisiológicos não têm a palavra final. Deus tem a palavra final. Ele nos deu armas espirituais tão poderosas, em termos fisiológicos, quanto a pornografia. Ele deseja ser visto por nós, frequente e profundamente (2 Coríntios 3:18 e 4:4).

Por fim, lembre-se que o poder espiritual de sua Palavra e do seu Espírito tem o direito de usar forças fisiológicas a seu serviço. Creia que Deus pode tomar os caminhos cerebrais da pornografia e transpor esses impulsos para o verdadeiro êxtase que é conhecer a Cristo.

SIGA O GRUPO DE JOVENS DA PAZ E VIDA DE ITAPERÚ NO:

Ami Shaday

@gp_amishaday