O cantor piauiense Francisco de Paula Moura, conhecido como Paulynho Paixão,virou réu na justiça no caso em que foi acusado de agredir sua esposa em hotel no município de Bacabal, no Maranhão em agosto de 2019. 

A justiça do estado do maranhão aceitou a denúncia do Ministério Público após a esposa registrar a agressão na delegacia e depois negar e afirmar que estava tudo bem, devido as informações conflitantes em seu depoimento o caso seguiu na justiça.

Veja o vídeo da esposa de Paulinho Paixão negando a agressão:

Entenda o caso

Paulinho Paixão, foi acusado de agredir sua esposa com chutes e ponta pés em hotel, no município de Bacabal, no Maranhão no dia 11 de agosto de 2019.

De acordo com informações, o cantor se apresentou na cidade e a ao retornar para o hotel iniciou uma discussão com sua esposa e no hotel começou a agredi-la. Durante as agressões, a vítima conseguiu fugir e ir até uma delegacia, próximo ao hotel e em desespero pediu ajuda. Uma guarnição do 15º Batalhão da Polícia Militar se deslocou até o local e realizou a prisão do cantor.

A vítima registrou um boletim de ocorrência e foi conduzida para fazer um exame de corpo de delito.

Paulinho Paixão foi apresentado na Delegacia da Polícia Civil de Bacabal onde foi autuado em flagrante pela Lei Maria da Penha.

CLIQUE AQUI PARA CURTIR A FRON PAGE DA MANCHETENET

Fonte:Redação Manchete Net/180graus