Entre sexta-feira e sábado, foram registradas cinco novas mortes, somando agora 1.838 vítimas da doença

Portugal registrou, neste sábado, 5, 486 novos casos de Covid-19, o maior número diário de infecções desde o dia 8 de maio, chegando a 59.943 casos desde o início da pandemia, em março.

Entre sexta-feira e sábado, foram registradas cinco novas mortes, somando agora 1.838 vítimas do novo coronavírus. A maioria das últimas infecções estão localizadas na região de Lisboa e Vale do Tejo (230 novos positivos) e na zona norte (incluindo o Porto) com 200 infecções.

A partir do próximo dia 15, todo o território de Portugal entrará em estado de contingência, o que implica na extensão das atuais restrições para combater a expansão do novo coronavírus. A região mais afetada pela pandemia, Lisboa e Vale do Tejo, já se encontra em estado de contingência, o que significa que as lojas terão que fechar mais cedo, está proibido o consumo de álcool nas vias públicas e pessoas só podem se concentrar em grupos de no máximo dez. O resto do país continua em estado de alerta.

Outros países

O governo da Espanha já reconhece que a pandemia está saindo de controle em diversas partes do país. Novos recordes de contaminação estão sendo batidos diariamente desde o desconfinamento por lá e a taxa de contaminações no país subiu para 142 casos a cada grupo de 100 mil habitantes. As coisas não estão indo bem, como admitiu o ministério da saúde espanhol, e esse crescimento pode virar exponencial. A maior parte das contaminações está sendo registrada entre os mais jovens — o que significa também que são casos mais leves.

*Com as informações do Portal Jovem Pan