Foto reprodução

Apesar de ter pedido a retenção do passaporte do empresários Carlos Wizard por não ter comparecido à Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) da Covid, o presidente do colegiado, senador Omar Aziz (PSD-AM) foi alvo da mesma medida.

Em 2019, a Justiça do Amazonas proibiu o parlamentar de sair do país e determinou que seu passaporte fosse retido. A medida ocorreu no âmbito da operação Vertex, que apurou desvios de recursos para à área de saúde do estado.

Na ocasião, a esposa do senador, Nejmi Aziz, e três de seus irmãos; Murad Aziz, Mansour Aziz e Amin Aziz, chegaram a ser presos. As investigações apontam que os desvios começaram quando Omar Aziz governou o Amazonas, entre 2010 e 2014.

A Vertex foi um desdobramento da operação Maus Caminhos. Atualmente as ações relativas à operação estão suspensas até a resolução sobre qual esfera tem competência para julgar os casos.

“Com as informações do Pleno News