Instagram/Pyong Lee | Reprodução/BBB20/Globo

Pyong Lee acabou passando dos limites na festa Guerra e Paz do BBB20, após uma noite de muita bebedeira.

Além de supostamente tentar com insistência, apesar dos recuos, beijar a ginecologista Marcela, o hipnólogo teria apalpado as nádegas da cantora Flayslane após uma rápida conversa entre os dois no meio da festa, que contou com a presença do DJ Alok.

Na manhã deste domingo (9), Pyong parece ter acordado sem se lembrar do que aconteceu durante a festa, e pediu ajuda para saber se havia feito algo constrangedor. “Eu deitei onde? Você sabe?”, perguntou o hipnólogo na cozinha. “No chão. Pode ficar tranquilo. Eu só não sei o que você falou para alguém”, disse Felipe Prior.

Na sequência, Pyong Lee esboçou preocupação com sua esposa, que está grávida. “Sério, eu tô preocupado com isso. Porque minha esposa…”, começou, sendo interrompido na sequência pelo arquiteto que tentou acalmá-lo: “Ah, tá com medo da sua esposa, mano? Fica tranquilo”.

“Não, não estou com medo dela, não quero ter feito uma merda”, disse na sequência, ciente de que tinha passado dos limites durante a festa, retornando à consciência com uma bela ressaca moral.

Desde o episódio, uma corrente se formou nas redes sociais pedindo a expulsão de Pyong Lee. Ele segue sendo acusado de assédio por conta dos episódios envolvendo Flayslane e Marcela.

Ele pediu desculpas para a ginecologista por conta da tentativa de beijá-la, e ela respondeu com um “está de boa”. Além disso, a sister disse que ele não deveria pedir desculpas por nada, pois parece não ter se incomodado, dando risada da situação.

CLIQUE AQUI PARA CURTIR A FRON PAGE DA MANCHETENET


Fonte:Redação Manchete Net/1News