Foto Web Edição Manchetenet

O vice-prefeito de Teresina, o agora secretário de governo interino, responsável pela SEMCOM e secretário de Finanças, Robert Rios (PSB), confunde o trabalho de divulgação das ações da prefeitura com vantagens financeiras da PMT.

O papel da imprensa e informar não só as boas ações más também os problemas e denúncias contra os órgãos públicos, o vice prefeito deixa transparecer que veículos que tenham contratos publicitários com a PMT só podem publicar as boas ações da PMT, tornando-os submissos a administração municipal.

O secretário em matéria exibida no portal ElPiauí com o título “

Robert Rios diz que Prefeitura está sendo chantageada por portais e blogs

“ ao fazer menção a supostas chantagens de pequenos portais e blogs sem apresentar provas de tais chantagens, tenta inibir o trabalho da imprensa em informar a população os problemas da cidade

O que falar dos “GRANDES” portais de Teresina que recebem, como diz o vice-prefeito, vultuosas vantagens financeiras da PMT, o Secretario deveria tornar a publico e extrato de pagamento dos atuais portais e blogs que recebem da PMT por postagens publicitaria da administração municipal.

Sem experiência no meio da comunicação, o agora super secretario Robert Rios tenta sucumbir a liberdade de imprensa privilegiando o monopólio das grandes empresas de comunicação de Teresina a partilha dos 20 milhões da licitação da Semcom, deixando de lado a verdadeira democratização da informação.

Ao ofender os órgãos de comunicação de Teresina chamando-os de vagabundos, ofende a toda imprensa Piauiense.

“Alegando que a prefeitura de Teresina hoje e é gerida por um homem honrado”, tenta novamente ofender as administrações passadas, Teresina tem que ter sim! Um homem honrado para geri-la, más esse homem honrado no caso o Prefeito eleito Dr Pessoa tem que está sempre bem acompanhado de comandados que respeitem a democracia e a liberdade de imprensa.

 

Redação Manchetenet.com