O taxista foi preso no momento em que tentava registrar um Boletim de Ocorrência no 3º Distrito da Polícia Civil alegando ter sido sequestrado pelos cinco presos acusados de roubar a arma do coronel da Polícia Militar do Maranhão.


A Força Tarefa da Polícia Militar prendeu na tarde desta terça-feira (27/08), um taxista identificado como Raimundo Fernandes de Morais, de 42 anos acusado de registrar um Boletim de Ocorrência forjando um sequestro e auxiliar na fuga de uma quadrilha de assaltantes.

Força Tarefa da SSP-PI

Segundo informações da Força Tarefa da SSP-PI, o taxista  foi preso no momento em que tentava registrar um Boletim de Ocorrência no 3º Distrito da Polícia Civil alegando ter sido sequestrado pelos cinco presos acusados de roubar a arma do coronel da Polícia Militar do Maranhão. No entanto, todo os presos acusados de participar do assalto afirmaram que Raimundo Fernandes de Morais participou da ação e ajudou na fuga da quadrilha.

Prisão da quadrilha acusada de assaltar o coronel da PM-MA

Cinco pessoas foram presas e um menor de iniciais J.S.O, de 16 anos, apreendido no início da tarde desta terça-feira (27/08) acusados de roubar um coronel da Polícia Militar do Maranhão. A prisão foi realizada por uma equipe da Força Tarefa da PM-PI, no bairro Santa Luzia, na zona Sul de Teresina.

Os presos foram identificados como Darlando Olicio Silva Monteiro, 20 anos; Davi Gomes Araújo, 26 anos; Micael Jackson Silva dos Santos, 18 anos; Breno do Carmo Veloso, 18 anos; Lucas Henrique Torquato da Rocha, 18 anos.

Segundo informações da Secretaria de Segurança Pública do Piauí – SSP-PI, com os criminosos foi apreendido um revólver calibre 38 e duas motocicletas.

Com as informações da Meio Norte